O PDI é um instrumento que descreve os objetivos de longo prazo de uma instituição de ensino superior, estabelecidos por meio de um planejamento que aponta as medidas necessárias para o alcance das metas, num prazo de 5 anos.

 



ATORES

Participam da elaboração desse documento a comunidade acadêmica e a comunidade externa, uma vez que a atuação da IES ultrapassa os limites institucionais e modifica a realidade da região em que está inserida.



DIFERENCIAÇÕES

O PDI traz definições institucionais inerentes à filosofia de trabalho, à missão, às diretrizes pedagógicas, à estrutura organizacional e às atividades acadêmicas que desenvolve e/ou pretende desenvolver.




JUSTIFICATIVA

Considerando que o Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI, é elaborado para um período de cinco anos, faz-se necessário a construção de um novo documento, que norteará as ações da Unochapecó de 2019 a 2023.



O PDI DA UNO


O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), além de preservar a missão e a visão da instituição, estabelecendo linhas de conduta e ação coerentes com os princípios organizacionais próprios das IES, permite o resgate e a manutenção dos propósitos basilares da Unochapecó.

Devido à relevância, o PDI será elaborado pela comunidade interna e externa, composta por membros da gestão, corpo docente e discente, coordenadores e técnicos-administrativos, a fim de consolidar

 

as Políticas de Ensino, Pesquisa, Extensão, Gestão Acadêmica, Gestão Institucional e Avaliação Institucional apresentadas no Projeto Pedagógico Institucional (PPI). O texto levará em conta, também, os desafios e as novas demandas que se apresentam às IES, e particularmente à Unochapecó.


METODOLOGIA

A elaboração de um Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) para ser efetiva, deve envolver os diversos setores e categorias que compõem a comunidade acadêmica, bem como representantes da comunidade externa, para que os objetivos sejam estabelecidos com base no bem comum. Assim foi desenvolvida uma metodologia que propõe quatro etapas principais, descritas a seguir:

  1. Organização: Programação das atividades e organização dos materiais/documentos necessários para construção do PDI;
  2. Preparação: Elaboração do diagnóstico, estruturação do planejamento estratégico, orientação das comissões temáticas e sensibilização da comunidade acadêmica;
  3. Elaboração: Início da revisão/construção do documento pelas comissões temáticas, disponibilização do documento para consulta, socialização e finalização;
  4. Finalização: Revisão e aprovação do PDI nas instâncias internas.

Para a construção do PDI serão observados os seguintes itens: missão, visão, princípios, objetivos estratégicos e as dimensões do Sinaes:


Norteadores institucionais


Princípios (Resolução 098/CONSUN/2005)
1) Indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão.
2) Formação cidadã.
3) Compromisso com o desenvolvimento regional sustentável.
4) Garantia de meios de acesso e permanência de acadêmicos na Universidade.
5) Pluralidade.
6) Autonomia.
7) Gestão participativa, democrática e transparente.
8) Integração do conhecimento.
9) Avaliação institucional permanente.
Missão (Resolução 146/CONSUN/2005)
Produzir e difundir conhecimento, contribuindo com o desenvolvimento regional sustentável e a formação profissional cidadã.
Visão (Resolução 146/CONSUN/2005)
Ser referência como universidade comunitária reconhecida pela sua produção científica, qualidade acadêmica, gestão democrática e atuação na sociedade.

Dimensões do Sinaes


De acordo com a lei Nº 10.861, de 14 de abril de 2004, a avaliação das instituições de educação superior terá por objetivo identificar o seu perfil e o significado de sua atuação, por meio de suas atividades, cursos, programas, projetos e setores, considerando as diferentes dimensões institucionais, dentre elas obrigatoriamente as seguintes:

1. Missão e PDI
2. Política para ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão
3. Responsabilidade Social da IES

Contribuir com o atendimento das demandas sociais da comunidade (inclusão social, desenvolvimento econômico, defesa do meio ambiente, memória cultural, produção artística e patrimônio cultural).

 

4. Comunicação com a sociedade

Posicionar, promover ou divulgar, esclarecer sobre cursos oferecidos, diferenciais, realizações, atividades desenvolvidas, etc.

5. As políticas de pessoal, carreiras do corpo docente e de técnico-administrativo
6. Organização de gestão da IES
7. Infraestrutura física

Adequar a infraestrutura para atender demandas internas e externas.

8. Planejamento de avaliação
9. Políticas de atendimento aos estudantes
10. Sustentabilidade financeira

Garantir a sustentabilidade financeira da instituição.


Comissão de sistematização


Será composta pelo Pró Reitor de Planejamento e Desenvolvimento, Diretor de Planejamento e Controle, Diretores Acadêmicos, Procuradora Institucional, Coordenadora da CPA, representantes dos Docentes, Estudantes e Técnicos Administrativos, além de duas pessoas para o suporte técnico. Os membros da comissão sistematizadora foram nomeados através da PORTARIA N. 115/REITORIA/2018.

As atividades serão coordenadas pela Pró Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento, que trabalhará em conjunto com a Pró Reitoria de Graduação, Pró Reitoria de Ensino, Pesquisa, Extensão, Pós-Graduação e Inovação e a Pró Reitoria de Administração.

A redação final do PDI será deliberada pela Reitoria, responsável também por encaminhar o documento para aprovação nas instâncias superiores.

Atribuições da Comissão de Sistematização

I – Sistematização dos trabalhos realizados pelas demais comissões;

II – Apreciação, elaboração e alteração do documento base do PDI;

III – Encaminhamento das sugestões levantadas para as Comissões e Reitoria;

IV – Apreciação da permanência das sugestões levantadas pela comunidade acadêmica;

V – Elaboração e entrega do documento final do PDI para a Reitoria.


Comissões Temáticas


As comissões temáticas são formadas de acordo com as especificidades de cada tema. Cada uma dela possui um coordenador que dará sequência as atividades. Abaixo as atribuições de cada comissão temática:

Atribuições da Comissão Perfil Institucional

I – Histórico da Unochapecó;

II – Áreas de atuação;

III – Detalhar a estratégia: missão, visão, princípios e objetivos estratégicos;

IV – Organização administrativa;

V – Comunicação com a sociedade;

VI – Aspectos financeiros e orçamentários.

PORTARIA Nº 125/REITORIA/2018

Atribuições da Comissão de Graduação

I – Política de ensino;

II – Política de educação a distância;

III – Política de estágio;

IV – Política de educação inclusiva;

V – Organização didático pedagógica;

VI – Cronograma de implantação de novos cursos de graduação.

PORTARIA Nº 126/REITORIA/2018

Atribuições da Comissão de Pesquisa, Extensão, Inovação e Pós-Graduação

I – Política de pesquisa;

II – Política de extensão;

III – Política de pós-graduação lato e stricto sensu;

IV – Política de inovação;

V – Política de internacionalização;

VI – Cronograma de implantação de novos cursos de pós-graduação e programas de extensão.

PORTARIA Nº 127/REITORIA/2018

Atribuições da Comissão de Gestão de Pessoal e Atendimento Discente

I – Organização administrativa;

II – Gestão de pessoal;

III – Atendimento ao corpo discente.

PORTARIA Nº 128/REITORIA/2018

Atribuições da Comissão de Infraestrutura

I – Infraestrutura física;

II – Infraestrutura tecnológica;

III – Infraestrutura da biblioteca;

IV – Infraestrutura dos laboratórios;

V – Infraestrutura para atender a acessibilidade;

VI – Cronograma de expansão das instalações físicas.

PORTARIA Nº 129/REITORIA/2018

Atribuições da Comissão de Autoavaliação Institucional

I – Autoavaliação na Unochapecó;

II – Analisar o programa de autoavaliação no que se refere a metodologia, dimensões, instrumentos utilizados, forma de participação da comunidade acadêmica e a utilização dos resultados obtidos.

PORTARIA Nº 130/REITORIA/2018





DOCUMENTOS

Metodologia de desenvolvimento do PDI 2014-2018.

CRONOGRAMA PROPOSTA INICIAL AGENDA DE SEMINÁRIOS



SUGESTÕES

PDI da Uno