CINEMA E FALTA DE ACESSO: UMA PERSPECTIVA DA TRANSFORMATIVE CONSUMER RESEARCH (TCR)

Autores

  • Jailson Santana Carneiro Universidade Federal da Paraíba
  • Rayane Fernandes Mano Universidade Federal da Paraíba
  • Augusto Ferreira Ramos Filho Universidade Estadual de Alagoas
  • Nelsio Rodrigues de Abreu Universidade Federal da Paraíba
  • Janayna Souto Leal Universidade Federal da Paraíba http://orcid.org/0000-0003-2620-4282

DOI:

https://doi.org/10.22277/rgo.v14i3.5391

Resumo

O cinema é considerado como lazer, porém nem todas as pessoas têm acesso ao mesmo, podendo se configurar como um cenário de atuação para a Transformative Consumer Research (TCR). Logo, o objetivo do artigo busca analisar como o consumo de lazer, mais especificamente o cinema, vivenciado pelos consumidores que não tem acesso em sua cidade a salas de cinema, pode influenciar o bem-estar e a qualidade de vida. A pesquisa adotou uma abordagem qualitativa, em que foram entrevistadas nove pessoas que participaram do projeto “Cine Sesi Cultural”. Para a análise das entrevistas, foi utilizada a técnica da análise de discurso. Em termos dos resultados, observou-se que a experiência com o cinema é favorável ao bem-estar dos consumidores baseado mais em uma experiência do que em uma curiosidade. Assim, foi verificado que o consumo de filmes, influencia de forma positiva o bem-estar e a qualidade de vida dos consumidores de baixa renda.

Publicado

2021-07-28