O primeiro povoamento do Homo sapiens na Itália

o que sabemos sobre o tecnno-complexo Uluzziano

Autores

  • Giulia Marciani Università di Bologna
  • Stefano Benazzi Università di Bologna
  • Adriana Moroni Università di Bologna

DOI:

https://doi.org/10.22562/2022.57.07

Palavras-chave:

Tecnologia Lítica, Paleolítico Médio, Paleolítico Superior

Resumo

 O Uluzziano é um tecno-complexo que data entre aproximadamente 45.000 a 40.000 anos AP, e está associado ao período em que os Neandertais desaparecem e tem-se o início do sinal arqueológico do Homo sapiens na Europa. Este tecno-complexo foi inicialmente descrito tipologicamente, com base nos materiais encontrados em Grotta del Cavallo (Salento, Puglia, sudeste da Itália). Sua caracterização inicial indicou que apresentava características que geralmente são consideradas típicas do chamado "comportamento moderno", incluindo a presença de substâncias corantes, ferramentas ósseas e ornamentos. Além disso, o Uluzziano representa uma ruptura material brusca em comparação ao tecno-complexo Musteriense, anterior e parcialmente contemporâneo, tanto do ponto de vista tecnológico como de estratégia de caça e subsistência. O objetivo deste trabalho é apresentar a história da definição deste tecno-complexo, suas características em relação à indústria lítica, indústria óssea, ornamentos, e métodos de subsistência. Serão apresentadas as hipóteses sobre sua origem e seu fim, e sua relevância para o debate sobre a transição do Paleolítico Superior Médio na Europa.

 

Biografia do Autor

Giulia Marciani, Università di Bologna

Doutora, Università di Bologna, Dipartimento di Beni Culturali, Via degli Ariani 1, 48121, Ravenna, Italy. U. R. Preistoria e Antropologia, Dipartimento di Scienze Fisiche, della Terra e dell'Ambiente, Università di Siena, Via Laterina 8, 53100, Siena, Italy  

Stefano Benazzi, Università di Bologna

Doutor, Profesor. Università di Bologna, Dipartimento di Beni Culturali, Via degli Ariani 1, 48121, Ravenna, Italy

Adriana Moroni, Università di Bologna

Doutora, Professora. U. R. Preistoria e Antropologia, Dipartimento di Scienze Fisiche, della Terra e dell'Ambiente, Università di Siena, Via Laterina 8, 53100, Siena, Italy. CeSQ-Centro Studi sul Quaternario, Via Nuova dell'Ammazzatoio 7, I. 52037 Sansepolcro, Arezzo, Italy.

Publicado

2022-12-20