O lítico dos ceramistas do Planalto

uma contribuição à compreensão dos sítios superficiais associados aos Jê do Sul

Autores

  • Jones Fiegenbaum Universidade do Vale do Taquari
  • Fernanda Schneider Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas
  • Sidnei Wolf Universidade do Vale do Taquari
  • Neli Teresinha Galarce Machado Universidade do Vale do Taquari

DOI:

https://doi.org/10.22562/2022.57.06

Palavras-chave:

Jê do Sul, Planalto das Araucárias, Análise de Lítico

Resumo

Neste artigo, apresentamos aspectos funcionais de um sítio superficial lito-cerâmico Jê do Sul, o RS-T-130, inserido entre os rios Guaporé e Forqueta, no Rio Grande do Sul. A análise foi centrada no lítico e teve dois objetivos: 1) discutir as atividades realizadas no sítio; 2) elucidar a função do sítio em meio ao sistema regional Jê. A cronologia indica que o RS-T-130 integrava o amplo território Jê da região. Na dinâmica regional, as áreas de altitude abrigavam os assentamentos maiores, com estruturas subterrâneas e maior variabilidade de artefatos; já as áreas de fundo de vale, como o RS-T-130, eram dominadas por sítios superficiais especializados e com menos variabilidade artefatual. Refletindo uma parcela importante das estratégias de assentamento na paisagem Jê, sítios superficiais como o RS-T-130 parecem ter sido utilizados para atividades específicas que, entre outras funções, incluíam manejo agroflorestal, extração de matérias-primas, caça e pesca. 

Biografia do Autor

Jones Fiegenbaum, Universidade do Vale do Taquari

Doutor em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Desenvolvimento da Universidade do Vale do Taquari (Univates). Pesquisador associado ao Laboratório de Arqueologia do Museu de Ciências da Univates. 

Fernanda Schneider, Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas

Doutora em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Desenvolvimento da Universidade do Vale do Taquari (Univates). Pós-doutoranda do Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas (CONICET) e pesquisadora associada ao Laboratório de Arqueologia do Museu de Ciências da Univates.

Sidnei Wolf, Universidade do Vale do Taquari

Doutor em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Desenvolvimento da Universidade do Vale do Taquari (Univates). Professor da rede pública de ensino nos municípios de Lajeado e Estrela/RS. Pesquisador associado ao Laboratório de Arqueologia do Museu de Ciências da Univates.

Neli Teresinha Galarce Machado, Universidade do Vale do Taquari

Doutora em Arqueologia pela Universidade de São Paulo (USP). Professora do Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Desenvolvimento da Universidade do Vale do Taquari (Univates). Coordenadora do Laboratório de Arqueologia do Museu de Ciências da Univates.

Publicado

2022-12-20