A crise de 2008 e seus efeitos na economia brasileira

Autores

  • Thaís Damasceno Lima
  • Larissa Naves Deus

DOI:

https://doi.org/10.46699/rce.v17i32.1651

Resumo

Este artigo analisa os efeitos sentidos pela economia brasileira frente à crise financeira internacional de 2008. Pretende-se compreender o que foi a crise do subprime; seus efeitos no Brasil; as medidas adotadas pela economia brasileira frente ao cenário de recessão, principalmente referente às políticas monetária, fiscal, cambial e creditícia; avaliar a situação econômica atual do Brasil frente às principais economias mundiais. Para tanto, faz-se uma recuperação histórica do que foi em si a crise do subprime, além da apresentação de dados das principais variáveis macroeconômicas que conferem consistência à análise das medidas adotadas pela economia brasileira frente à crise. Os resultados obtidos apontam que as medidas econômicas adotadas pelo Brasil surtiram o efeito desejado em um cenário de crise e ajudaram o país a se recuperar de maneira mais eficaz que os principais países centrais - representados principalmente pela Europa - que ainda se encontram em um cenário recessivo.

Edição

Seção

Artigos