Avaliação do manejo de diferentes substratos para compostagem de dejetos líquidos de suínos

Autores

  • Airton Kunz Universidade Comunitária Regional de Chapecó
  • Marcelo Bortoli
  • Martha M. Higarashi

DOI:

https://doi.org/10.24021/raac.v5i1/2.222

Resumo

A suinocultura é uma atividade que necessita de especial atenção no tocante às questões ambientais pelo alto impacto que pode causar quando não corretamente planejada. A
compostagem é um processo de gerenciamento dos resíduos da atividade que pode contribuir na redução deste impacto, pois permite o manejo do resíduo na fase sólida, facilitando a exportação para outras regiões menos impactadas, bem como sua utilização como adubo orgânico seguindo as boas práticas agronômicas. O presente trabalho verificou a influência do manejo dos substratos no processo de compostagem. O dejeto
foi aplicado sobre dois substratos (maravalha e serragem) de duas maneiras distintas. Na primeira foi realizada a aplicação em uma única dose e umidade ajustada semanalmente
a 70%; na segunda foi realizada a aplicação gradativa durante quatro semanas. Os resultados mostraram que a aplicação gradativa é mais eficiente, pois possibilita maior incorporação de dejeto sobre o substrato (taxa de 8/1). O sistema também apresentou uma alta capacidade de retenção de nutrientes, especialmente fósforo, atingindo taxas superiores a 80%.

Edição

Seção

Artigos