Uma análise do discurso cultural: reconhecendo identidades e diferenças

Autores

  • Donizeth Costa Amado Unochapecó

Palavras-chave:

Comportamento, Consumidor, Ecológico, Mulheres, Consciência

Resumo

O artigo faz uma análise do discurso cultural que construiu a ideia de cultura superior/inferior através da aplicação de divisões binárias, na qual, obrigatoriamente, uma das partes recebe uma carga positiva e a outra negativa. Dessa forma, o grande desafio não é tolerar as diferenças, mas, sim, reconhecê-las conferindo a todas as representações culturais e religiosas a mesma condição de poder e igualdade. Perceber o processo de resistência da cultura e religiosidade dos afro-brasileiros, superando as inúmeras formas de exclusões e associações pejorativas, para compreender que é devido a essa resistência que a sociedade brasileira é tão matizada culturalmente. Abordo o processo de afirmação das identidades como sendo o primeiro princípio do autorreconhecimento individual e coletivo, cujas sobreposições de valores reprimem as minorias e impedem a sua manutenção, sendo engolida pelo discurso que pode construir e destruir.

Biografia do Autor

Donizeth Costa Amado, Unochapecó

Edição

Seção

Artigos