Arqueologia e História: estudo de um aldeamento jesuítico no Rio de Janeiro

Autores

  • Nanci Vieira de Oliveira

Resumo

Pretende-se compreender o processo de assimilação das populações indígenas e as políticas impostas em diferentes momentos, a relação dos sítios arqueológicos com o aldeamento jesuítico, o movimento das populações e práticas de subsistência, os mecanismos de resistência a partir da análise de fontes escritas e arqueológicas, aspectos do cotidiano destas populações através da análise de restos ósseos e cultura material. Os sítios arqueológicos estudados definiram a análise a partir de dois contextos temporários: a fase de implantação e consolidação do aldeamento e a fase de declínio, com a saída dos jesuítas e sua extinção.

Publicado

2014-07-30