Entre imagens e memórias: representações sociais de criança e infância na imprensa escrita em Chapecó (SC) na década de 1970

Autores

  • Aline Fatima Lazarotto Unochapecó

Palavras-chave:

cerâmicas arqueológicas, arqueometria, métodos analíticos

Resumo

Os meios de comunicação compõem-se em um instrumento privilegiado para compreender a história, e “[...] constitui-se como um bom material de análise sociológica onde se manifestam as concordâncias de uma cultura, sua lógica interna, suas contradições.” (FUKUI; SAMPAIO; BRIOSCHI, 1985, p. 32). Essa será representada por quatro jornais que circularam na década de 1970 em Chapecó (SC). O olhar dirigido à imprensa em determinado momento da história justifica-se na tentativa de captar elementos para a compreensão de determinadas formas de tratamento jornalístico dispensados à criança e à infância, constituindo-se em representações sociais que determinam modelos de sujeitos e direcionam práticas sociais.

Biografia do Autor

Aline Fatima Lazarotto, Unochapecó

Possui Pedagogia pela Universidade Comunitária da Região de Chapecó. Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente é professora titular, coordenadora do Curso de Educação Especial e coordenadora do Projeto Pedagogia na Rua da Universidade Comunitária da Região de Chapecó. Tem experiência na área de Educação , com ênfase na formação de professores, atuando principalmente nos seguintes temas: Representações Imaginário Docente, Direitos da Criança, Infância e imprensa, Didática.

Publicado

2016-06-06