Zacarias de Góes e Vasconcelos e seus discursos no Senado entre 1868 e 1869

Autores

  • Jaqueline Schmitt da Silva Universidade de Passo Fundo

DOI:

https://doi.org/10.22562/2019.50.08

Palavras-chave:

Compras. Licitações. Editais. Pneus.

Resumo

Neste trabalho, pretendemos abordar a crise de 1868 e a atuação de Zacarias de Góes e Vasconcelos através da análise do conteúdo de quatro discursos proferidos no Senado do Império entre 30 de junho de 1868 e 26 de junho de 1869. Tais discursos abordavam as disputas políticas entre os conservadores e a liga progressista, os debates acerca das atribuições do poder moderador, o senado vitalício e sua influência nas decisões, bem como “a causa e o modo” da sua exoneração em julho de 1868 e da queda do gabinete de 3 de agosto. A crise ministerial de 1868 abriu espaço para a exacerbação das críticas à ordem vigente, além de cisão dentro dos partidos Liberal e Conservador e a configuração de novos grupos que reivindicavam espaço para participação na política.

Biografia do Autor

Jaqueline Schmitt da Silva, Universidade de Passo Fundo

Professora Seduc-RS. Mestra em História e Doutoranda em História (PPGH-UPF).

Publicado

2019-06-05