Paranapiacaba: dinâmica econômica em função de seus eventos

Autores

  • Aline Correia de Sousa Colantuono FATEC Ipiranga
  • Natália Galindo Cestaro FATEC Ipiranga

DOI:

https://doi.org/10.22295/grifos.v26i42.3302

Palavras-chave:

CIÊNCIAS SOCIAIS, DESENVOLVIMENTO REGIONAL

Resumo

A Vila de Paranapiacaba guarda um patrimônio histórico e cultural desde sua ocupação territorial no Estado de São Paulo durante o desenvolvimento da cultura cafeeira. Com a aquisição da Vila pela prefeitura de Santo André em 2001, uma série de estratégias, como o Festival de Inverno de Paranapiacaba e o calendário de eventos, foi planejada para incentivar o turismo e a recuperação econômica da região. Tombada como patrimônio nas esferas municipal, estadual e federal, a Vila é candidata a patrimônio da humanidade pela UNESCO. Desde 2013, ela recebeu para restauro o investimento de R$ 42 milhões do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o que pode potencializá-la a tornar-se um dos maiores polos turísticos do Estado de São Paulo. Diante desse cenário, o trabalho investiga, por meio de revisão bibliográfica, de dados da prefeitura e de entrevistas com os comerciantes e com o órgão público, a potencialização do turismo na região através de seus eventos e da diversificação econômica oriunda deles. Percebeu-se que é necessária a criação de uma identidade local, a partir da qual os moradores sintam-se parte integrante do patrimônio. Assim, a consolidação econômica de Paranapiacaba precisa pautar-se em uma inter-relação entre a comunidade e o poder público, a fim de que recursos sejam priorizados e capacidades empreendedoras sejam desenvolvidas. A diversificação do calendário de eventos representa um catalisador para a transformação comunitária, gerando resultados que potencializam a individualidade de seus sujeitos.

Biografia do Autor

Aline Correia de Sousa Colantuono, FATEC Ipiranga

Economista pelo UNI-FACEF, mestre em Economia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, doutoranda em Desenvolvimento Econômico na Universidade Estadual de Campinas, professora da Faculdade de Tecnologia do Ipiranga e da Faculdade de Tecnologia de São Caetano do Sul.

Natália Galindo Cestaro, FATEC Ipiranga

Graduada em Gestão de Eventos pela Fatec Ipiranga, certificada em Turismo e Hospitalidade pelo Whatcom Community College (EUA), aluna do Community College Initiative Program do Departamento de Estado dos
Estados Unidos, e instrutora de língua inglesa. 

Publicado

2017-09-15

Edição

Seção

Artigos