UMA EXPERIÊNCIA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES/AS DE GEOGRAFIA COM O USO DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22196/rp.v22i0.5576

Resumo

Este artigo objetiva apresentar uma proposta pedagógica desenvolvida em um projeto de formação continuada com os/as professores/as de uma rede de ensino municipal localizada em Santa Catarina, em 2019, que teve como foco explorar as interfaces do aplicativo intitulado Fábrica de Aplicativos como uma experiência que movimentou propostas e práticas para o ensino de Geografia dos anos finais do ensino fundamental. Como procedimento metodológico, apoiou-se nas interfaces do aplicativo, envolvendo vinte e três professores/as de Geografia. Como resultado, tal encontro mobilizou experimentações e saberes pedagógicos por meio do uso das tecnologias digitais de informação e comunicação, e oportunizou pensar e planejar outras possibilidades de trabalhar a educação geográfica em sala de aula. 

Biografia do Autor

Luiz Martins Junior, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Doutorando pela Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, Programa de Pós-Graduação em Educação, Florianópolis, E-mail: luizmartins.jr@hotmail.com 

Rosa Elisabete Militz Wypyczynski Martins, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Doutora em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. Professora do Departamento de Geografia da Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC. E-mail: rosamilitzgeo@gmail.com  

Referências

ALMEIDA, Maria Elizabeth Bianconcini. Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos. In: Secretaria de Estado da Educação. Integração das tecnologias na Educação. Brasília: Ministério da Educação, 2005.

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. A era da informação: economia, sociedade e cultura. 7 ed. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

COSTA, Fernando Albuquerque. Um breve olhar sobre a relação entre as tecnologias digitais e o currículo no início do Séc. XXI. In: VI Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação, Challenges 2009. Centro de Competência da Universidade do Minho, 2009, p. 293-307.

COSTA, Fernando Albuquerque et. al. Repensar as TIC na educação: o professor como agente transformador. Santillana, Porto, Portugal, 2012.

COSTELLA, Roselane Zordan. Movimentos para (não) Dar aulas de Geografia e sim capacitar o aluno para diferentes leituras. In: CASTROGIOVANNI, Antonio Carlos; TONINI, Ivaine Maria; KAERCHER, Nestor André. (Org.) Movimentos no Ensinar Geografia. Porto Alegre: Imprensa livre, Compasso Lugar-Cultura, 2013.

KENSKI, Vani Moreira. Educação e Tecnologias: o novo ritmo da informação. 8. ed. Campinas, SP: Papirus, 2012.

KENSKI, Vani Moreira. Em direção a uma ação docente mediada pelas tecnologias digitais. In: BARRETO, Raquel Goulart. (Org.). Tecnologias educacionais e educação a distância: avaliando políticas e práticas. Rio de Janeiro: Quartet, 2001.

KENSKI, Vani Moreira. O ensino e os recursos didáticos em uma sociedade cheia de tecnologias. In: VEIGA, Ilma Passos Alencastro. (Org.) Didática: o ensino e suas contribuições. 8. ed. Campinas: Papirus, 2004.

LITZ, Valesca Giordano. O uso da imagem no ensino de História. Curitiba, 2009. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1402-8. Acesso em: 08 jun. 2020.

MARTINS JUNIOR, Luiz.; CANTO, Josi Zanette do.; MARTINS, Rosa Elisabete Militz Wypyczynski. Explorando as potencialidades das tecnologias móveis no ensino de geografia. Multidisciplinar em Educação, v. 6, n. 15, p. 27-41, jul./set., 2019.

MORAN, José Manuel. Ensino e aprendizagem inovadores com tecnologias audiovisuais e telemáticas. In: MORAN, José Moran. (Org.). Novas tecnologias e mediação pedagógica. Campinas: Papirus, 2001.

SILVA FILHO, João José. Educação e Informática: uma experiência de trabalho com professores. 1988. Dissertação (Mestrado em Educação) Programa de Pós-Graduação em Educação. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 1988.

SILVA, Ana Ávila. Professores utilizadores das TIC em contexto educativo: estudo de caso numa escola secundária. IN: COSTA, Fernando Albuquerque. et al. (Org.) As TIC na educação de Portugal: concepção e práticas. Lisboa: Editora Porto, 2007.

SILVA JUNIOR, Otaniel Fernandes. Comunicação e tecnologia para Educação Geográfica: a experiência de produção de infográficos no ensino de Geografia na Educação Básica. In: ASSIS, Lenilton Francisco; SOARES JÚNIOR, Francisco Cláudio. (Org.). Ensino e pesquisa na educação geográfica. Natal, RN: EDUFRN, 2018.

TONINI, Ivaine Maria. Imagens nos livros didáticos de Geografia: seus ensinamentos, sua pedagogia. Mercator, v. 2, n. 4, 2003.

TONINI, Ivaine Maria; CARDOSO, Juliana Carvalho. Os meios de comunicação, tecnologias digitais e práticas escolares de geografia. Revista FSA, v. 11, n. 2, p. 186-210, abr./jun. 2014.

VALENTE, José Armando; ALMEIDA, Fernando José. Visão analítica da informática na educação no Brasil: a questão da formação do professor. 2006. http://www.proinfo.gov.br>. Acesso em: 20 maio 2020.

VALENTE, José Armando; ALMEIDA, Fernando José. Pesquisa, comunicação e aprendizagem com o computador: o papel do computador no processo ensino aprendizagem. Série “Pedagogia de Projetos e Integração de Mídias” - Programa Salto para o Futuro, set. 2005.

Publicado

2021-03-04

Edição

Seção

Artigos Demanda Contínua