Educação, religiosidade, colonização: o caso de Maravilha-SC

Autores

  • Vitor Marcelo Vieira Unochapecó

Resumo

Este artigo apresenta reflexões sobre a atuação da Companhia Colonizadora Sul Brasil e sua ligação com o papel desempenhado pela Igreja no campo educacional. Inúmeras foram as contribuições educacionais realizadas em Santa Catarina pelas instituições religiosas até que ocorresse a implantação efetiva do ensino público. Explicita-se de que forma foram se configurando esses primeiros momentos da colonização, da atuação dos primeiros professores,do surgimento da atividade educacional, no município deMaravilha-SC.

Publicado

2022-05-30