Hey Ho Let's go, Rock Gaúcho: Análise da gestão da banda Tequila Baby

Autores

  • Cristiano Max Pereira Pinheiro
  • Mauricio Barth
  • André Conti Silva
  • Aline Paolla Schosler

DOI:

https://doi.org/10.22277/rgo.v9i3.3254

Resumo

A presente pesquisa tem como objetivo geral estudar a gestão da carreira da banda Tequila Baby, analisando as decisões e implicações de sua produção executiva. A análise dos dados baseia-se na comparação entre as respostas obtidas na entrevista realizada e as teorias revisadas sobre indústria musical e gerenciamento de carreira. Os resultados apontam para a importância do planejamento e da gestão de carreira e, também, a relevância da participação de um produtor executivo para auxiliar neste processo.

Biografia do Autor

Cristiano Max Pereira Pinheiro

Doutor em Comunicação Social; professor nos cursos de Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda e no Mestrado em Indústria Criativa da Universidade Feevale.

Mauricio Barth

Mestre em Indústria Criativa; professor nos cursos de Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda (Universidade Feevale).

André Conti Silva

Mestre em Design; professor nos cursos de Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda (Universidade Feevale).

Aline Paolla Schosler

Graduada em Publicidade e Propaganda (Universidade Feevale).

Publicado

2017-11-17

Edição

Seção

Artigos