CONSIDERAÇÕES TEÓRICAS SOBRE O RESGATE DA MITOLOGIA GRECO-ROMANA NO ENSINO FUNDAMENTAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22196/rp.v22i0.4769

Palavras-chave:

Mitologia grega, Didática, Ensino de História e Filosofia

Resumo

O artigo busca problematizar o resgate da temática da mitologia greco-romana no Ensino Fundamental. Para isso, o texto foi dividido em três partes: brevemente busca-se analisar a transição entre o pensamento mitológico e a Filosofia Pré-Socrática, discutindo alguns desdobramentos na história do pensamento ocidental. A seguir, discutem-se os motivos da perda de protagonismo da mitologia greco-romana na escola. Por fim, é feita uma proposta de resgate do ensino desse conjunto de saberes, ancorando-se nas ideias de Silvio Gallo e Sandra Mara Corazza.

Biografia do Autor

Bruno Nunes Batista, Instituto de Ciências Humanas, Universidade Federal de Pelotas.

Doutor e mestre em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professor na Universidade Federal de Pelotas, Instituto de Ciências Humanas.

Fábio Chang de Almeida, Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre.

Doutor em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Graduado em História e Geografia. Professor na Prefeitura Municipal de Porto Alegre (PMPA).

Publicado

2020-08-05

Edição

Seção

Artigos Demanda Contínua