Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Diretrizes para Autores

A Revista FisiSenectus assume como base as normas adotadas pelo Comitê Internacional de editores de revistas médicas (estilo Vancouver) publicadas no ICMJE - Uniforme Requirements for Manuscripts Submited to Biomedical Journals (http://www.icmje.org/index.html).

A Revista FisiSenectus não cobra nenhum valor financeiro para submissão e publicação dos trabalhos científicos. É requisito que todos os autores possuam o registro na plataforma https://orcid.org/ e informem o referido número no cadastro pessoal no ambiente da revista. Dois é o número máximo de artigos que podem ser submetidos por autor por ano, independentemente da posição de autoria.

O artigo deve ser original e inédito no Brasil ou em outro país e não pode ser submetido à avaliação simultânea em outro periódico.

Passos para submissão

Faça seu cadastro (login e senha) no site da Revista FisiSenectus: http://pegasus.unochapeco.edu.br/revistas/index.php/fisisenectus/user/register

Os autores deverão submeter o texto já formatado conforme o Template da Revista FisiSenectus disponibilizado no seguinte link: 

https://drive.google.com/file/d/1Ei-RL0Rzvis_8iJ3JNA7Gxi5VevEqRpe/view?usp=sharing

Para que o arquivo não sofra mudanças de formatação, sugere-se que:

I) copiar o link; II) fazer o download; III) transferir o arquivo para seu computador de uso, salvando-o, e na sequência editar incluindo o seu artigo, sem produzir mudanças no Template.

Após estar com o artigo no template e formatado de acordo com as normas da revista acesse o sistema usando login e senha, e escolha o perfil de AUTOR, clique em "Clique aqui para iniciar o processo de Submissão" e siga os passos solicitados pelo sistema e faça o upload do seu arquivo em padrão MS Word. Concluída a submissão, você poderá acompanhar o processo de avaliação com seu login e senha.

 Os artigos aceitos para publicação, no processo de editoração "Leitura de Provas" deverão necessariamente ser revisados quanto a normas gramaticais segundo o acordo ortográfico e de formatação do estilo Vancouver por profissional da área. A Revista FisiSenectus solicitará uma declaração assinada pelo profissional que realizou a revisão.

 Categoria dos artigos

A revista FisiSenectus é um periódico de publicação contínua dirigida às áreas de Envelhecimento Humano e Saúde. Publica prioritariamente artigos originais oriundos de pesquisa e ou relatos de experiência, artigos de revisão sistemática e metanálise, bem como, emite notas sobre eventos e assuntos de interesse. Eventualmente, poderá publicar artigo teórico sobre temas específicos, por convite dos Editores.

A apresentação dos manuscritos deve obedecer às regras de formatação definidas nestas normas, diferenciando-se apenas pelo número permitido de páginas em cada uma das categorias:

Artigo: Textos resultantes de pesquisas ou em formato de relato de experiência referentes a temas de interesse para a revista devem conter de 15 a 20 páginas incluindo as referências bibliográficas e anexos.

Revisões: serão aceitas apenas do tipo sistemática ou integrativa e deverá conter entre dez a quinze páginas.

a)Revisão sistemática - é um estudo secundário, que tem por objetivo reunir estudos semelhantes, avaliando-os criticamente em sua metodologia e reunindo-os numa análise estatística, a metanálise. 

b) Revisão integrativa - método de revisão amplo, que permite incluir literatura com diferentes abordagens metodológicas (quantitativa e qualitativa). Os estudos incluídos na revisão devem ser analisados em relação aos seus objetivos, materiais e métodos e seguir o modelo de revisão sistemática do tipo integrativa.

Princípios éticos

Pesquisas que envolvem seres humanos estão condicionadas ao cumprimento dos princípios éticos contidos na Declaração de Helsique e a indicação do número de aprovação da pesquisa emitido por Comitê de Ética, devidamente reconhecido pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP) do Conselho Nacional de Saúde (CNS).

Normas de formatação:

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

Os trabalhos deverão ser apresentados em formato Microsoft Word 97/2003 ou superior, digitados em formato A4, com fonte tipo Times New Roman; margens 2,5 cm (superior, inferior, direita e esquerda); parágrafos alinhados em 1 cm. 

a) Título: O título deve ser apresentado nas versões da língua portuguesa, inglesa e espanhola, nas cores destacadas no template. O título em português deve ser apresentado em alinhamento à esquerda, em negrito, tamanho da fonte 14, conciso, informativo em até 15 palavras, usar caixa alta somente na primeira letra do título. Os títulos em inglês e espanhol devem vir abaixo, com tamanho da fonte 11, itálico, usar caixa alta somente na primeira letra do título.

b) Autores: Devem ser submetidas duas versões do arquivo para avaliação, uma em que a identificação de autoria deve removida do arquivo e da opção Propriedades no Word para garantir a avaliação a cegas, conforme instruções disponíveis em Processo de Avaliação por Pares. Uma segunda versão com a identificação dos autores deve ser anexada na transferência de documentos suplementares. Nesta versão deve constar as seguintes informações: nome completo dos autores em negrito e o número do Orcid (ver: orcid.org), com a indicação do autor correspondente e respectivo e-mail e instituição em nota de rodapé. Essas informações devem estar com tamanho de fonte 12, espaçamento simples, alinhado à direita, conforme disposto no modelo do template.

 As informações detalhadas de todos os autores devem estar descritas nos metadados (ambiente da revista), caso contrário o artigo será devolvido aos autores. O número de autores em cada artigo está limitado ao máximo de seis. É importante informar a lista e a ordem exata dos autores no momento da submissão. Qualquer adição, exclusão ou reorganização de autoria deve ser feita apenas mediante aprovação do conselho editorial da revista.

c) Resumo e descritores: Devem ser apresentados em português, inglês e espanhol, digitado em espaço simples, justificado, tamanho da fonte 12, contendo entre 150 a 250 palavras e deve conter os títulos das sessões negritados: introdução, objetivo, metodologia ou materiais e métodos, resultados e considerações finais ou conclusão. Destacar no mínimo três e no máximo seis termos de indexação (Palavras-chave/Keywords/Descriptores) separados por ponto e iniciais em caixa alta. Para padronizar os descritores, use o Thesaurus da saúde (MeSH) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/mesh e o Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) da Bireme http://decs.bvs.br/.

d) Estrutura do Texto: Os artigos deverão destacar os subtítulos em negrito, sendo estes com tamanho da fonte 14, primeira letra maiúscula, alinhado à esquerda, cor destacada no template e prever as seguintes seções: Introdução, Metodologia ou Materiais e Métodos, Resultados, Discussão e Considerações finais ou conclusão. O corpo do texto deve vir com tamanho da fonte 12, espaçamento 1,5 cm, justificado, parágrafos alinhados em 1 cm.

Introdução: Deve conter o objetivo e a justificativa do trabalho; sua importância, abrangência, lacunas, controvérsias e outros dados considerados relevantes pelo autor. Não deve ser extensa.

Metodologia ou materiais e métodos: descrever em detalhe a seleção da amostra, os procedimentos de coleta de dados e instrumentos utilizados, e os métodos utilizados na análise estatística, de maneira breve e objetiva, que permita que o estudo seja replicado por outros pesquisadores. Pedimos que você faça referência às técnicas padrão.

Resultados: devem ser apresentados de forma sintética e clara, e apresentar tabelas ou figuras elaboradas de forma a serem autoexplicativas, informando a significância estatística, quando couber. Evitar repetir dados do texto e opinião pessoal. 

Todas as ilustrações (tabelas, gráficos e figuras) devem ser limitados ao número máximo de 6 e numerados consecutiva e independentemente, com algarismos arábicos de acordo com a ordem de menção dos dados. A cada um deve-se atribuir um título breve, alinhado à esquerda, tipo Times New Roman, tamanho 12, negritado somente a primeira parte, por exemplo, Tabela 1: descrição dos exercícios. A cada ilustração deve ter indicação ao final centralizada da fonte.

As ilustrações devem estar centralizadas e sem recuo, não ultrapassando o tamanho de uma folha A4, tamanho da fonte 10, espaçamento simples. O autor responsabiliza-se pela qualidade das figuras (desenhos, ilustrações e gráficos) que permita a editoração sem perda de definição. As figuras devem ser encaminhadas em alta resolução (mínimo 300 dpi) no formato jpeg ou tiff.

Discussão: deve explorar os resultados mais relevantes, apresentar a interpretação / reflexão do autor fundamentada na literatura atual e as implicações/desdobramentos para o conhecimento sobre o tema. As dificuldades e limitações do estudo podem ser registradas neste item. 

Considerações finais ou conclusão: apresentar as conclusões relevantes face aos objetivos do trabalho, e indicar formas de continuidade do estudo. 

e) Opcionalmente, os autores podem indicar no final do artigo os agradecimentos e especificação da indicação da agência de fomento, quando for o caso e, também, quando parte de Relatório de Pesquisa, Tese, Dissertação, Monografia de Final de Curso, entre outras.

f) Referências: Devem ser apresentadas com tamanho de fonte 12, alinhados a margem esquerda, em espaço simples e separados entre si por um espaço. A revista adota o Estilo Vancouver. A citação da referência ao longo do texto deve ser expressa em algarismos arábicos sobrescritos antes do ponto final. Ex: xxxx1.

Devem ser apresentadas no mínimo de quinze (15) e não devem ultrapassar trinta (30) referências, numeradas consecutivamente na ordem em que forem mencionadas pela primeira vez no texto. Deve ser utilizado, preferencialmente, no mínimo 70% de artigos atualizados (últimos 5 anos). A exatidão das informações nas referências é de responsabilidade dos autores.

 Nas referências com 2 (dois) até o limite de 6 (seis) autores, citam-se todos os autores; acima de 6 (seis) autores, citam-se os 6 (seis) primeiros autores, seguido da expressão latina "et al". O sobrenome dos autores é em letras minúsculas exceto as iniciais e não são usados pontos nas iniciais dos nomes; em casos de mais de um autor os nomes são separados por vírgula (,). Os títulos de periódicos devem ser referidos de forma abreviada, de acordo com "List of journals indexed in index medicus" da National Library of Medicine.

As referências que possuírem DOI, o mesmo deve ser apresentado ao final.

EXEMPLOS:

 Livros  

(Autor(es) do livro. Título. Edição. Local de publicação: Casa publicadora; Ano de publicação)

 Bourdieu P. Esboço de uma teoria da prática. 2.ed. Oiras, Portugal: Celta Editora; 2002.

Capítulos de livros 

(Autor(es) do capítulo. Título do capítulo. In: Autor(es) do livro. Título do livro. Edição. Local de publicação: Casa publicadora; Ano de publicação. Página inicial-final do capítulo)

Gomes R, Souza ER, Minayo MC, Silva CFR. Organização, processamento, análise e interpretação de dados: o desafio da triangulação. In: Minayo MCS, Assis SG, Souza ER. Avaliação por triangulação de métodos: abordagem de programas sociais. Rio de Janeiro: Fiocruz; 2005. p. 85-221.

Monografias, dissertações e teses

(Autor. Título [Tipo de documento]. Local: Instituição onde foi apresentada; ano)

 Meneghin AL, Souza DS. A eficácia da drenagem linfática manual no controle de acne facial em adolescentes [monografia]. Barbacena: Universidade Presidente Antônio Carlos – UNIPAC; 2007.

 Artigos de periódicos

(Autor(es) do artigo. Título do artigo. Título da revista abreviado. Data de publicação (ano mês dia); volume(número):páginas inicial-final do artigo). DOI: https://doi.org/xxxxxxxxxxxxxxxxxx

-Até seis autores

Halpern SD, Ubel PA, Caplan AL. Solid-organ transplantation in HIV-infected patients. N Engl J Med. 2002 Jul 25;347(4):284-7.

-Mais de seis autores: listar os seis primeiros autores seguidos de et al.

Rose ME, Huerbin MB, Melick J, Marion DW, Palmer AM, Schiding JK, et al. Regulation of interstitial excitatory amino acid concentrations after cortical contusion injury. Brain Res. 2002 May 10; 935(1-2):40-6.

-Suplemento de número

(Autor. Título. Título do periódico abreviado. Data de publicação (ano mês dia); volume (número do suplemento): páginas inicial-final do artigo.)

Payne DK, Sullivan MD, Massie MJ. Women ´s psychological reactions to breast cancer. Semin Oncol. 1996 Fev;23(1 Suppl 2):89-97.

-Artigos de periódicos eletrônicos

Abood S. Quality improvement initiative in nursing homes: the ANA acts in an advisory role.

Am J Nurs [serial on the Internet]. 2002 Jun [cited 2002 Aug 12];102(6). Available from: http://www.nursingworld.org/AJN/2002/june/Wawatch.htm

Anais de congressos, conferências congêneres

(Autor (es). Título do Trabalho. In: Título do Evento n.º; data de realização do evento (ano, mês e dias); local de sua realização (cidade), estado ou país abreviado (e entre parênteses) ou por extenso, se necessário. Local de publicação: Editora; data de publicação. Paginação do trabalho ou resumo.)

Zioni F. Controle popular: discussões temáticas. In: Anais do 4. Congresso Paulista de Saúde Pública; 1993 jul 10-14; São Paulo, Brasil. São Paulo: Associação Paulista de Saúde Pública; 1995. p. 25-6.

Documento jurídico

Local (País, Estado ou Cidade). Título (especificação de legislação, nº, data). Emenda. Indicação da publicação oficial. Data de publicação (ano mês dia); Seção. Página inicial-final.

Portaria:

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 1.884, de 11 de novembro de 1994. Elaboração de projetos físicos [para estabelecimentos assistenciais de saúde]. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. 1994 dez. 15; Seção 1.p 19523-49.

Constituição:

Brasil. Constituição, 1988. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Senado Federal; 1988.

Código:

Brasil. Código civil, 2002. Código civil. 53.ed. São Paulo: Saraiva; 2002.

OUTROS EXEMPLOS CONSULTAR

https://www.nlm.nih.gov/bsd/uniform_requirements.html

g) Citação: Devem ser identificadas por números arábicos sobrescritos, sem menção aos autores, exceto quando estritamente necessária à construção da frase. Nesse caso além do nome deve aparecer o número da referência. Exemplo: Medeiros7. Ao fazer a citação sequencial de autores, separe-as por um traço (ex. 1-3); quando intercalados utilizar vírgula (ex. 2,6,11).

Citação direta: É a utilização literal (cópia) de parte(s) do texto do autor consultado. Usar [...] quando houver omissão de parte(s) da cópia do texto. Usar [ ] para indicar acréscimos ou comentários. As citações de falas/depoimentos dos sujeitos da pesquisa deverão ser apresentadas em letra tamanho 12, em estilo itálico e na sequência do texto. Deve-se optar por uma das modalidades abaixo e padronizar em todo o texto:

Citação de até três linhas: A citação deve ser inserida no parágrafo entre aspas. No caso de a citação vir com aspas no texto original, substituí-las pelo apóstrofo ou aspas simples.

Exemplo 1: “[...] a demanda pelo serviço de fisioterapia domiciliar é ocasionada principalmente pelas doenças crônicas, confirmando o crescente perfil demográfico da população idosa.” ¹

Exemplo 2: Segundo Góis e Vera¹ “[...] a demanda pelo serviço de fisioterapia domiciliar é ocasionada principalmente pelas doenças crônicas, confirmando o crescente perfil demográfico da população idosa”.

Citação com mais de três linhas: As citações longas devem aparecer em parágrafo independente, recuado e digitado em espaço 1, e fonte menor para se destacar do texto (como exemplo, fonte 10), recuo de margem de 4 cm à esquerda, com ou sem aspa.

Exemplo:

A reabilitação no envelhecimento é complexa, necessitando de uma abordagem multidisciplinar, com a difusão do conhecimento geriátrico junto aos profissionais de saúde para que possa fazer frente a sua heterogeneidade. O atendimento domiciliar de fisioterapia tem na sua essência a aproximação maior com o paciente e seus valores, facilitando uma melhor e mais ampla abordagem terapêutica em geriatria. ¹

 Citação indireta: É a menção da informação baseada na(s) obra(s) de outro(s) autor(es). Neste caso não deve haver cópia do texto original, mas sim uma interpretação e construção de outro texto baseado no texto original. É dispensável o uso de aspas, porém, indicar sempre a fonte de onde foi retirada.

Exemplo: O aumento de doenças crônicas observado na população de idosos, aumenta a demanda dos serviços de fisioterapia domiciliar.1,2

Autoria

As pessoas designadas como autores devem ter participado na elaboração dos artigos de modo que possam assumir publicamente a responsabilidade pelo seu conteúdo. As contribuições individuais de cada autor devem ser indicadas no final do artigo, apenas pelas iniciais (ex. LMF trabalhou na concepção e na redação final e CMG, na pesquisa e na metodologia).

Responsabilidade pelo conteúdo  

O conteúdo dos artigos submetidos são de integral e exclusiva responsabilidade dos autores, não refletindo necessariamente as ideias, opiniões e/ou conceitos dos Editores da revista. A veracidade das informações, autoria (lista e ordem), a exatidão, adequação, procedência e validade das citações também são de responsabilidade integral e exclusiva dos autores. Os autores ficam cientes ainda de que responderão civil e criminalmente por qualquer reclamação quanto ao conteúdo e desrespeito às políticas de privacidade e publicação, bem como na hipótese de ocorrência de plágio.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.